A história de sucesso do KFC


Aos 5 anos seu pai morreu. 
Aos 16 anos,teve que deixar a escola. 
Aos 17 anos ele já tinha perdido 4 empregos. 
Aos 18 anos se casou. 
Aos 19 teve uma filha.
Aos 20 anos sua esposa o deixou levando sua filha.
Aos 26, foi despedido de outra empresa onde trabalhava como vendedor.
Tornou-se cozinheiro em um pequeno café e convenceu sua mulher a voltar para casa. 
Aos 65 anos ele se aposentou com um benefício de U$105,00 mensais.
Sentia-se fracassado e decidiu cometer suicídio. Ele sentou-se para escrever a sua despedida, mas ao invés disso, escreveu o que ele teria feito com sua vida. 
Então, pegou emprestados US$ 87 fez frangos fritos utilizando sua receita própria e foi de porta em porta vender.
No início vendia para os vizinhos. 

Assim como muitos empreendedores em busca de tirar uma ideia do papel, Coronel Sanders também ouviu alguns “não”. Ou melhor, ele recebeu ao todo 1.009 nãos durante os dois anos que passou dirigindo e dormindo em seu próprio carro pelas estradas americanas, indo de restaurante em restaurante na tentativa de vender a ideia de sua franquia de frango frito.


A persistência do Coronel Sanders foi realmente extraordinária. Mesmo com tantas negativas, ele não deixou de confiar no potencial e na qualidade que tinha a oferecer. O esforço de Sanders valeu a pena. Depois de meses viajando, ele finalmente conseguiu vender sua receita de frango frito a um restaurante de beira de estrada. Nascia em 1952 a Kentucky Fried Chicken (KFC), que veio a ser uma das maiores redes de fast food do mundo.

O coronel Sanders vendeu a rede completa do KFC em 1964 por 2 milhões de dólares (que correspondem a 10,2 milhões de dólares de 2007) e, desde então, a marca foi vendida mais três vezes, sendo a mais recente à PepsiCo, que em 1997 deu origem a uma nova empresa filha especializada em restaurantes, hoje chamada Yum! Brands, Inc.

Depois da venda o Coronel virou garoto-propaganda do negócio, aparecendo em público sempre com as mesmas roupas; o KFC preserva sua imagem no logotipo, bem como sua história na lenda dos 11 ingredientes. Ele morreu com 90 anos.

Hoje, são mais de 5 mil estabelecimentos espalhados por 120 países, 12 milhões de clientes por dia e cerca de 1 bilhão de pedaços de frango servidos por ano. Já pensou se ele tivesse declarado fracasso no primeiro “não” que recebeu?

A receita secreta do coronel à base de 11 ervas e especiarias é comercializada como um dos mais bem guardados segredos. A receita original manuscrita está alegadamente trancada numa caverna em Louisville, no Kentucky. A companhia afirma que nem sequer o presidente da empresa conhece a lista de ingredientes, sendo as poucas pessoas que a conhecem obrigadas a um acordo estrito de confidencialidade. O mito do “ingrediente secreto” é uma das pedras basilares da marca.








0 coment�rios:

Postar um comentário

My Instagram